Riscos ocupacionais: você sabe identificá-los?

Qualquer ambiente de trabalho pode oferecer riscos à saúde do trabalhador. Por isso, os riscos ocupacionais são importantes classificações dadas pela Secretaria do Trabalho (que atualmente faz parte do Ministério da Economia) para garantir que os espaços de atividade laboral sejam mais seguros.

Para cada tipo de atividade desempenhada, bem como agentes no local que possam determinar acidentes, existem riscos específicos.

Você sabe identificar cada um deles?

 

Riscos físicos

Os riscos físicos são aqueles relacionados aos seguintes agentes: ruídos, frio, calor, pressão, umidade, radiações (radiações ionizantes), pressões anormais e outras formas de energia que possam de alguma forma serem nocivas à saúde do trabalhador.

 

Riscos químicos

São os relacionados a substâncias químicas às quais os trabalhadores podem ficar expostos, tais como fumos, gases, vapores ou outras substâncias compostas que possam ser inflamáveis ou tóxicas.

 

Riscos biológicos

Os riscos biológicos dizem respeito aos riscos que envolvem a exposição a bactérias, vírus, fungos, parasitas, protozoários ou demais organismos que ofereçam risco de contaminação ao indivíduo em contato no seu ambiente de trabalho.

 

Riscos ergonômicos

Muito comuns, são os relacionados a um esforço físico excessivo:  levantamento e transporte de peso, postura inadequada, trabalho noturno, tarefas físicas repetitivas ou até mesmo jornadas de trabalho extensas.

 

Riscos de acidentes

Os riscos de acidente são relacionados a situações perigosas, como estruturas de trabalho inadequadas (ferramentas, armazenamento de materiais de forma incorreta), trabalho em altura, risco de choque elétrico, incêndio e manuseio de máquinas pesadas.

 

Mapa de riscos ocupacionais

Para facilitar o entendimento e tornar os riscos ocupacionais menores no ambiente de trabalho, cada risco é discriminado por uma cor diferente e associado a um ambiente de trabalho. Dessa forma, tem-se o mapa de riscos ocupacionais. Conheça:

Riscos físicos – verde

Riscos químicos – vermelho

Riscos biológicos – marrom

Riscos ergonômicos – amarelo

Risco de acidentes – azul

É dever das empresas informar sobre os riscos em todos os locais que os trabalhadores transitam.

“Estamos sempre atuando na fiscalização dos riscos ocupacionais junto às empresas. Por ano, o Brasil tem cerca de 700 mil acidentes de trabalho, o que revela uma realidade muito grave. Todo trabalhador que perceber em suas condições de trabalho situações fora da normalidade, deve entrar em contato com o sindicato para orientações e esclarecimentos” salienta o presidente da STIP, Gilmar Servidoni.

 

Fique atento!

 

Fonte: STIP